Coltelli Acessórios para Pet - Pet Shop Produtos
O que você precisa saber antes de comprar um cachorro

Foto Divulgação
E quem não acha um filhotinho de cachorrinho a coisa mais linda do mundo? E os de raça? Ah, os cãezinhos de raça são tão fofos! ❤ Mas deixa eu contar o caminho que percorrem até sua casa.

Você os encontra normalmente limpinhos, cheirosos e com um laço ou gravatinha abanando o rabinho todo feliz. Mas antes disso uma pessoa comprou dois cachorros: um macho e uma fêmea com o intuito de comercializar os filhotes. E como só reproduzem de 2 a 3 vezes ao ano, é provável que comprem de raças diversas para atender os diversos públicos. Por isso, é importante que você visite o local onde os filhotes são criados, conheça o espaço e saiba quem são os pais do cachorrinho que deseja adotar. Por esse motivo, também não indicamos a compra de animais em Pet Shops. Por mais que você acredite que seja um local sério e responsável, jamais terá certeza absoluta do que acontece nos bastidores. Muitas vezes nem os donos das Pet Shops sabem.

Gostaria de acrescentar que existem pessoas que deixam seus cachorrinhos de estimação procriarem e vendem seus filhotes, mas existem também as chamadas fábricas de filhotes. E é sobre essas pessoas que vamos falar e explicar porque você deve evitar.

A vida no cativeiro

Esses filhotes são objetificados e como tal, o criador não se preocupa com o seu bem estar, apenas com o lucro que irão obter a partir deles.

Pois bem, quando as cadelas entram no cio, são amarradas em um lugar que mais parece um curral e são obrigadas a cruzar com vários cachorros (da mesma raça, é claro) exaustivamente para garantir a fertilização, ou seja, a cadela é submetida a estupros, sem nenhuma chance de defesa! O espaço não as permite sair ou mesmo deitar e ao final do dia estão doloridas e muito machucadas.

É comum criadores alugarem uma casa ou um espaço qualquer para que os cachorros fiquem e como não há um laço afetivo, normalmente os animais ficam sozinhos por dias. Eles ficam em currais individuais, com chão apenas acimentado, sem uma coberta ou caminha para aquecê-los. Há espaço para deitar mas quando a tigela de água vira, ficam sem. Quando a comida acaba, ficam sem. Passam dias deitados sobre as próprias fezes.

Alguns desenvolvem transtornos de ansiedade e ficam girando em círculos, outros se coçam até fazer feridas, há os que ficam uivando, os que ficam agressivos, os que se machucam, enfim, vivem um inferno terrestre. Claro, não preciso falar das pulgas, carrapatos e tosse de canis que são expostos. Recordo de um cativeiro que a polícia estourou com cerca de 90 cachorros (Clique aqui para ver. Atenção: cenas fortes) que até sangue tinha no chão!

Quando essas cadelas são servem mais para reproduzir, são jogadas na rua, afinal, produto velho ou quebrado não pode ser reaproveitado e é dispensado. São simplesmente abandonados na rua para morrer “em paz”.

Afinal, a compra salva ou não a vida de um cachorro de raça?

Muitos filhotes já nascem doentes, mas há os saudáveis. Vamos falar dos saudáveis.

Normalmente a pessoa que vende não mostra o criadouro ou apenas mostra fotos de um possível lugar ou dos pais. Essas fotos podem ser facilmente editadas. E quanto você paga por um cachorro? 2, 3, 5 mil reais?

Você pode estar pensando: “Nossa que vida cruel! Então, comprar os livrará de uma vida como a que os pais tiveram!”

Não! A compra estimula que esse tipo de gente continue objetificando os animais e dê continuidade com esse ciclo do mal. Se todos pararem de comprar, todos os cachorros de raça não serão mais valorizados como objetos e poderão ser adotados. Todos devem ser gratuitos e ter valor emocional e não comercial. Os animais têm sentimentos e não devem ser valorados e sim valorizados.

Um outro pensamento também pode estar passando pela sua mente: “Ah, puxa! Gosto tanto de um cachorrinho de raça, será que nunca poderei ter um?” Veja bem, o que eu disse acima é que a maioria dos criadores trata os animais assim, não que todos são assim. Se você for comprar, busque ir no local onde os pais estão, não se contente em ver fotos ou vídeos. Busque saber quem é essa pessoa que está vendendo, quais são as referências pessoais dela. O Facebook é uma ótima referência para conhecer um pouco mais de alguém. Um exemplo, esse estudante de veterinária mantinha 70 cachorros de raça nesse cativeiro. Será que realmente ninguém sabia como os animais eram tratados? Isso nunca escapou?

E como garantir que não estou apoiando esse tipo de prática?

E se eu te falar que sei de alguns de raça exclusiva que ninguém vai ter igual ao seu? E se eu te falar que conheço um lugar que tem vários, mais de 3 mil e cada um tem uma pelagem diferente? Tem de porte pequeno, médio e grande. Tem cachorros mais dóceis e alguns que são ótimos vigilantes e um pouco mais bravinhos. Estou falando do Amigo Não se Compra e estou falando que temos mais de 3 mil cachorros SRD (Sem Raça Definida). A forma mais garantida de não estimular a compra de animais é adotando!

Os SRDs são comumente chamados de Vira-Latas. E só são vira-latas porque alguém virou as costas. Não seja essa pessoa!

Quando você adota, além de quebrar esse ciclo cruel da compra de animais, conquista uma amizade leal e verdadeira para sempre. Não tenho nenhuma pesquisa para apresentar, mas por experiência, posso dizer que os animais que já sofreram muito, sabem como ninguém reconhecer amor e carinho quando o recebem. E mais, sabem valorizar uma verdadeira amizade! Claro, é possível que um ou outro tenha uma desconfiança maior devido os maus-tratos sofridos por determinados ditos humanos.
Amigo não se compra

Veja Mais
  Tremor de cabeça idiopático em cães


  Hoje comemora-se o Ano Novo.


  Hoje comemora-se o Natal.


  Preparação física dos cães


  American Staffordshire Terrier


  Venha adquirir um de nossos produtos na Coltelli


  Que tamanho vai ficar meu filhote?


  Dia Mundial da Gentileza


  Doenças urinárias em gatos


  Minha gata não gosta de colo, será que ela não gosta de mim?


  Dia das Crianças


  Dia dos Animais


  Seja legal cuide das bolas de pelos do seu gatinho


  Como estão os olhos do seu cachorro


  Dia do Médico Veterinário


  Dia do Irmão


  Socorro: meus cachorros só brigam!


  Veja como escolher o bebedouro ideal para o seu gato


  Adotei um animal e me arrependi. O que fazer?


  15 Mitos e verdades sobre cães e gatos


  Será que sou a pessoa que meu pet acha que sou?


  Confira técnicas incríveis para seu cachorro fazer xixi no lugar certo


  Dê adeus aos móveis arranhados com 6 dicas simples


  Meu peludo é uma fera, mas queria que fosse bela


  Racismo e preconceito no mundo animal


  Como é o olfato do cão?


  Meu peludo é uma fera, mas queria que fosse bela


  Em que os cães se assemelham aos humanos?


  Dia dos Animais


  Dia internacional da Mulher


Proximo >
Coltelli Acessórios para Pet - Pet Shop Produtos
Coltelli Acessórios para Pet - Pet Shop Produtos